Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Comentários

Textos/comentários a publicações de autores de outros blogs.

Textos/comentários a publicações de autores de outros blogs.

Comentários

19
Nov21

Comentário 158

Zé Onofre

    158

 

Nas palavras

Há verdades escondidas,

Caminhos escuros,

Veredas luminosas,

Tesouros perdidos.

 

Nas palavras escritas em placas de argila,

Em folhas de papiro,

Em tabuinhas de cera,

Nas memórias dos velhos,

Nas memórias dos poetas,

Nas memórias dos bardos,

Nos tratados filosóficos,

Há bravura que se derrama em fraqueza.

 

Há verdades absolutas,

Há mentiras

Que se vestem de verdade,

Há medos

Que atrás de armaduras e escudos

Se engalanam de coragem.

 

Nas palavras tudo é possível.

A verdade

Estampa-se nos gestos.

Cair,

Levantar,

Erguer a cabeça,

Seguir em frente,

Sem querer saber de quedas futuras.

 

O gesto de enfrentar,

Ainda que com olhares líquidos,

Quem espezinhou,

Apontar o nariz ao futuro

Mostra dignidade,

Expõe o seu grande coração

Que nunca escondeu.

   Zé Onofre

23
Set21

Comentário 105

Zé Onofre

                      105

 

A troco de pouco, meu amigo,

Dizem as sereias encantatórias,

Minha amiga a troco de pouco,

Garanto que sem gastar nada.

Chega a Estrela da TV.

Se tiver uma visão alargada.

 

Preenche este formulário.

Apresente-se com toda a verdade.

Cá para nós cara candidata,

(Senhor candidato aqui que ninguém nos ouve),

Se falsificar, mentir, efabular sobre o seu “eu”,

Estará no caminho para lá chegar.

 

Olá, senhor candidato,

Minha senhora e cara candidata,

Digam baixinho ao meu ouvido,…

Não interessa, o certo é que estão aqui.

 

Agora muita atenção.

Por cada peça de roupa jogada fora

Ganha pontos à concorrência.

Por cada boato jogado na hora certa,

Que leve os visados

Ao pontapé, ao murro, à facada

Já afastou mais uns concorrentes.

 

Agora um ponto essencial.

Perder totalmente a vergonha,

O melhor é mesmo não a ter,

E vender a alma,

O corpo é com cada um.

Isto fica ao encargo da vossa criatividade.

 

Para ter a certeza

Que será a cereja no cimo do bolo

Esquecer o que em que sempre acreditou,

Esquecer todos os princípios

Despir-se da dignidade,

Se é que ainda a tem

Depois de tanto se ter rebaixado

      Zé Onofre

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2022
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2021
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
Em destaque no SAPO Blogs
pub